11 | fevereiro

Treinamento físico ao ar livre (e funcional!)

Que tal experimentar seu programa de exercícios ao ar livre? Se as paredes são uma barreira ou provocam desânimo, vá para fora e comece a se mexer já!

corrida-ao-ar-livre-mulher-correndo-Badulaque-Mix

Com a maioria das pessoas trabalhando e estudando na maior parte do dia, e sempre entre quatro paredes, é difícil parar para ver o céu, o sol, ou as estrelas e a lua. Sentir o vento e o suor escorrendo depois de um esforço outdoor, acabam sendo fontes de inspiração para os praticantes de atividade física.

Boa parte dessas pessoas tem na atividade aquele ânimo para enfrentar o dia-a-dia e ser recompensado dessa forma. Podemos entender a atividade física ao ar livre como qualquer uma feita com o céu como teto.

Parques, piscinas, campos de futebol, praças ou mesmo a área de uso comum do seu condomínio podem ser usadas para realizar exercícios de condicionamento físico.

blog1

O mais comum é a caminhada e corrida, ou bicicleta. O grande empecilho acaba sendo a disponibilidade de espaço, já que ficar repetindo o mesmo percurso em espaços pequenos pode ser entediante. Mas caso você conte com uma pista de corrida e caminhada, com ao menos 400 metros, já é possível aproveitar para treinos intervalados.

Que tal intercalar uma volta em velocidade máxima com uma caminhada de recuperação? Normalmente 30 minutos desse tipo de atividade acaba ganhando de longe daqueles mais de 60 minutos sobre a esteira com a mesma velocidade sempre.

Para quem não tem a pista, ou quer fazer exercícios que promovam a força, que tal um circuito funcional? Prepare uma sequência de seis a dez exercícios com o peso do próprio corpo, como flexões, abdominais, saltos e agachamento, e realize o máximo de repetições em cada sem intervalo. Terminou uma sequência? Use de dois a cinco minutos para se recuperar e repita tudo novamente, por mais duas ou três vezes. Caso queira incrementar, ainda é possível usar a fita de treino suspenso, bolas medicinais, kettlebells, caneleiras e halteres para aumentar a intensidade e variedade dos exercícios. Além de fugir dos espaços fechados, você pode contar com um treino divertido e personalizado, com mais ânimo para fazer da atividade física uma constante na sua vida. E lembre-se: qualquer dúvida, procure por um Profissional de Educação Física capacitado para cuidar da sua saúde e do seu treino.

blog

Texto: Brunno Elias, Personal Coach; Doutorando em Saúde;  Diretor-científico BodyTrainer Systems; Consultor-técnico da Equipe de Ciclismo Gilmar Bicicletas em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Contato: brunno@brunnoelias.com.br, http://brunnoelias.com.br